Busca
Português|English
HOME|Mapa do site|Versão Impressão
Foto: Araquém Alcântara
HOME
QUEM SOMOS
UNIDADES CONSERVAÇÃO
MUDANÇAS CLIMÁTICAS
ENERGIA RENOVÁVEL
REMEDIAÇÃO
INVESTIMENTOS IMPACTO
PROJETOS
NOTÍCIAS
FALE CONOSCO
TRABALHE CONOSCO
INSTITUTO EKOS BRASIL
Av. Dr. Chucri Zaidan, 1550, cj. 1208
04711-130 - São Paulo - SP
Tel +55 11 5505-6371
Tel +55 11 3589-1502
INSTITUTO EKOS BRASIL / NOTÍCIAS / GOVERNADOR DA CALIFÓRNIA ...
Governador da Califórnia compara questão climática ao Titanic

Toronto, Canadá, 9 Jul 2015 (AFP) - O governador da Califórnia comparou, nesta quinta-feira, o estado do planeta ao Titanic em uma tentativa de alertar sobre a mudança climática.

"Muitas pessoas estão dormindo, elas estão no Titanic e bebem champanhe, enquanto estamos prestes a cair", afirmou Jerry Brown, cujo estado está lutando para lidar com uma seca histórica, que muitos creditam à mudança climática, durante a Cúpula do Clima das Américas.

Enquanto isso, no Canadá, anfitrião da conferência de dois dias que terminou nesta quinta-feira, uma temporada de incêndios hiperativa levantou alarmes e acusações de que a mudança climática é mais uma vez a culpada pelas centenas de chamas.

Essas e outras preocupações dominaram as conversas e certamente virão à tona novamente em uma reunião internacional crucial em Paris no final de novembro, quando os países vão tentar chegar a um acordo global para salvar a Terra.

Um tema central das negociações de Toronto foram acusações de que muitos legisladores no Canadá e nos Estados Unidos ainda não estão tomando a ameaça da mudança climática a sério o suficiente. 

"O crescimento econômico que altera irreversivelmente o clima do nosso planeta não é o crescimento real", afirmou Kathleen Wynne, governadora da província de Ontário.

"É falso e fútil. O tipo que acabará por minar o padrão de vida que nós tanto prezamos". 

O ex-vice-presidente americano e militante do movimento contra o aquecimento global Al Gore concordou, dizendo que precisa ser feito mais para informar as pessoas nas Américas sobre os benefícios e necessidade de uma economia verde.

Embora os presentes - políticos, membros da comunidade de negócios e grupos da sociedade civil - concordem em grande parte que mais precisa ser feito, eles não contaram com a participação do governo federal canadense. 

Em comunicado enviado à AFP, a ministra do Meio Ambiente, Leona Aglukkaq, sugeriu que o histórico do governo fala por si e disse que os conservadores, atualmente no poder, foram os "primeiros na história do Canadá a conseguirem uma redução líquida das emissões de gases de efeito estufa". 

 

http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/afp/2015/07/09/governador-da-california-compara-questao-climatica-ao-titanic.htm


07/2015

< voltar às notícias