Busca
Português|English
HOME|Mapa do site|Versão Impressão
Foto: Araquém Alcântara
HOME
QUEM SOMOS
UNIDADES CONSERVAÇÃO
MUDANÇAS CLIMÁTICAS
ENERGIA RENOVÁVEL
REMEDIAÇÃO
INVESTIMENTOS IMPACTO
NOTÍCIAS
FALE CONOSCO
TRABALHE CONOSCO
INSTITUTO EKOS BRASIL
Av. Dr. Chucri Zaidan, 1550, cj. 1208
04711-130 - São Paulo - SP
Tel +55 11 5505-6371
Tel +55 11 3589-1502
INSTITUTO EKOS BRASIL / PROJETOS / JURUPARÁ
PLANO DE MANEJO DO PARQUE ESTADUAL DO JURUPARÁ (SP)

O Ekos Brasil está construindo em conjunto com a Fundação Florestal o Plano de Manejo do Parque Estadual do Jurupará (PEJU), na região dos municípios de Ibiúna e  Piedade.

A importância da conservação deste Parque vem deste pertencer a um dos maiores corredores de Mata Atlântica do país, integrado desde 1991 à Reserva da Biosfera Mata Atlântica. Além disto, a área é importante abrigo de mananciais e está inserida na bacia hidrográfica do Ribeira de Iguape, sub-bacia do Alto Rio Juquiá. Ao longo dos trabalhos de elaboração do Plano de Manejo do PEJU foram encontradas 68 espécies de fauna e flora ameaçadas de extinção, além de 182 endêmicas. Foram ainda feitos mais de 300 novos registros de ocorrência de espécies na área do Parque.

Mas este patrimônio biodiverso está ameaçado por atividades predatórias como caça e pesca, extração de produtos florestais não madeireiros (palmito, p.ex.) e outras atividades de uso direto dos seus recursos naturais. A ocupação humana nas áreas do PEJU conflita com seus objetivos e pode ser considerada uma ameaça à biodiversidade e também à resolução das pendências fundiárias do Parque, entre outras.

Esta ocupação se deu quando do estabelecimento de descansos dos tropeiros que seguiam do sul do país para a região de Sorocaba nos séculos XVII e XVIII. Estes pequenos povoados evoluíram até se transformarem recentemente em cidades. A população local, hoje, se caracteriza por dois grupos distintos de “nativos” (população tradicional) e “sitiantes” (migrantes).

A criação da unidade de conservação deve-se à necessidade de proteção e conservação da riqueza de seus recursos hídricos e à necessidade de garantir a conservação do fragmento de Mata Atlântica que existe na área do Parque, além de contribuir para o crescimento do “mosaico” regional de Unidades de Conservação deste bioma. Os recursos hídricos do PEJU podem ser, futuramente, a garantia de abastecimento de água de qualidade para a capital do Estado e cidades adjacentes, já que a demanda por este recurso natural continua crescente.

PLANO DE MANEJO DO PE DO JURUPARA
: : PDF Download (MB)