Ekos Brasil inaugura viveiro de mudas nativas no Parque Nacional Cavernas do Peruaçu

Com o objetivo de continuar o trabalho de restauração e reflorestamento do Bioma Cerrado, o Instituto Ekos Brasil acaba de inaugurar um viveiro de mudas no Parque Nacional Cavernas do Peruaçu, no qual atua em acordo de cooperação mútua com o ICMBio.

Desde o início das atividades, a equipe do Ekos já havia identificado um problema sério com relação à agua: as nascentes estavam secando.

Para “atacar” a raiz do problema, é de extrema importância restaurar áreas do parque com espécies nativas. Por isso, a construção do viveiro, que já conta com 600 mudas, tendo capacidade, no entanto, para cerca de 20.000.

A coleta de sementes para abastecer o viveiro é feita dentro do próprio parque pela brigada e a produção das mudas acontece lá mesmo, com a utilização de água da chuva para manter as atividades.

O Ekos Brasil está levantando recursos para o projeto piloto de plantação de um hectare em uma comunidade no entorno do parque. Logo teremos mais notícias!

“Vamos plantar as mudas nas áreas dentro do Parque Peruaçu e trabalhar atividades com a comunidade para restaurar as nascentes ao redor. A ideia é envolver a todos e fazer educação ambiental”, afirmou Camila Dinat, técnica do Ekos Brasil.

O viveiro fica ao lado do centro de visitantes do Parque Peruaçu e pode ser visitado.