Ekos Brasil participa de Oficina de Avaliação de impactos do rompimento da Barragem de Fundão

O Instituto Ekos Brasil foi uma das instituições selecionadas para avaliar os impactos do rompimento da Barragem de Fundão, ocorrido em 2015, em Unidades de Conservação do Médio Baixo Rio Doce.

Depois de um longo trabalho de avaliação, no qual um grupo de especialistas percorreu 6 Unidades de Conservação de Governador Valadares (MG) a Linhares (ES), o Instituto Ekos Brasil participou de uma Oficina de Avaliação nos dias 7 e 8 de maio, em Belo Horizonte.

Na Oficina, foi apresentado o documento da mencionada avaliação com propostas de reparação, mitigação e eventuais compensações.

A Oficina contou com 54 participantes, dentre eles os principais atores do Projeto, incluindo as Gestões das Unidades de Conservação, representantes dos órgãos ambientais estaduais, representantes do CTBio, representantes do Ministério Público e Fundação Renova; e a equipe de especialistas do Instituto Ekos.

Os debates foram muito produtivos e agora o trabalho se encaminha para a produção do Relatório Final.

Oficina de Avaliação Renova

Oficina de Avaliação Renova